Fotografia, Suzana Guimarães

sexta-feira, 25 de dezembro de 2015



Cruzes! Já levei pesada na cara (chute de baixo para cima), soco no nariz, chute nas laterais das coxas...esses são os inesquecíveis..., esclarecendo a quem não sabe, luto jiu jitsu -, já desjuntei meus dedos e já caí errado e soquei minha coluna no chão. Fatos inevitáveis. Acontece e você acostuma. Contudo, dói muito mais o soco moral, o murro que você não está esperando e que nem o toca, vem em forma de palavras, palavras essas inúteis, que não são destiladas com a intenção de ajudar, acordar ou somar. Palavras usadas somente para suprir buracos que terceiros fizeram. Palavras usadas também para tentar matar os sentimentos de frustração e de remorso que o outro não sabe mais como carregá-los.

Eu disse que gostava de diários?

Dezembro, 25.