Fotografia, Suzana Guimarães

segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

A minha vontade de ofender quando ofendida, meu interesse em revidar ou mesmo o desejo de estar em um colóquio mental com as pessoas (um velho hábito meu), isso tudo acabou em um desinteresse frio e distante da minha parte. Não que eu tenha me tornado santa, eu apenas perdi o tesão por certas polêmicas e certas pessoas. Então, às vezes, pareço ofender com ações ou omissões, com meu jeito de escrever e falar que é somente um jeito diferente de ser e não é mau. Ser diferente não é opção, nasce-se assim.
Se vejo do outro lado pureza de intenções e doçura, com absoluta certeza, acredito, nem desentendimentos ocorrerão. Eu não resisto às pessoas doces. A minha filha fala, "Tão cheia de doceira!".



Nenhum comentário:

Postar um comentário

A caixa para comentários está novamente aberta. Contudo, agora, "os comentários passam por um sistema de moderação. Não serão aprovados os comentários:
- não relacionados ao tema do post;
- com pedidos de parceria;
- com propagandas (spam);
- com link para divulgar seu blog;
- com palavrões ou ofensas a pessoas e marcas;"
- com luzinhas e pequenos corações saltitantes porque pesam a página.